Governança

Baseada em princípios de participação, democracia e equidade

Governança (© FSC A.C.)© FSC A.C.O FSC é uma associação internacional governada pelos seus Membros. Estes podem ser colectivos – o que significa que representam a sua instituição ou organização – ou individuais.

Os Membros são de diversas origens e incluem representantes de organizações não-governamentais ambientais e sociais, da indústria florestal, organizações de produtores florestais, representantes de Povos Indígenas e Entidades Certificadoras, bem como proprietários individuais ou outras Partes Interessadas.

Os Membros candidatam-se para uma de três Câmaras – ambiental, social e económica –  e estas ainda se dividem em sub-câmaras Norte e Sul. Cada Câmara representa 33.3% do peso dos votos e dentro de cada câmara os votos são ponderados para garantir que o Norte e o Sul possuem 50% dos votos.  Esta estrutura garante que as diferentes influências são partilhadas de forma equitativa entre os vários grupos de interesse e os diferentes níveis de poder económico.


As decisões são tomadas a três níveis:


Assembleia
Geral

Assembleia GeralAssembleia Geral

A Assembleia Geral do FSC Internacional é o mais alto órgão de tomada de decisão. As moções são propostas por um Membro, apoiadas por outros dois e votadas pelos Membros presentes.

Conselho de Administração

Conselho de AdministraçãoConselho de Administração

O Conselho de Administração do FSC é responsável perante os seus Membros. É constituído por nove pessoas, sendo três eleitas por cada câmara para um mandato de três anos.

Director
Geral

Director GeralDirector Geral

O Director Geral lidera uma equipa profissional, multicultural no Centro Internacional do FSC em Bona. Em colaboração com a Rede Global do FSC, o Director Geral assegura o funcionamento diário do instituição.


© Forest Stewardship Council® · FSC® F000226